Carta de apresentação


O SECRETO MILAGRE DA POESIA

Sentimo-nos bem com seu contacto.
Disertamos sobre as suas maravilhas.
Auscultamos pequenas portas do seu mistério
e chegamos a perder-nos com prazer
no remoínho do seu interior.
Apercebemo-nos das suas fragilidades e manipulações.
Da sua extrema leveza.
Do silêncio de sangue e da sua banalização.

Excerto

in Rosa do Mundo

31 de maio de 2014

Lilás Carriço: Perfil crioulo


Era linda!...
Os seus cabelos, negros e compridos,
ao contrastar no claro dos vestidos,
caíam-lhe ondulados no colo voluptuoso
como um colo de cisne, grácil e capitoso.
A sua tez morena acetinada,
onde brilhavam uns claros olhos tentadores
rescendia, macia e perfumada,
emoldurada por cílios sonhadores.
Brincavam-lhe na boca uns dentes de marfim,
imitando a brancura veludínea do jasmim.
Os seus lábios vermelhos, sensuais,
recortavam-se em curvas ideais,
evocando a linda Citereia
que deles se servia pra tentar
o belo Júpiter ao sentir beijar
a boca doce e quente da gentil sereia.
O seu corpo sereno, coleante,
ao requebrar-se em curvas caprichosas,
era qual bela taça de espumante
num gota-a-gota em horas deliciosas!

Era bela!...
Um sorriso modesto, indefinido,
em formoso botão desabrochado,
aflorava no revê rosto entristecido
entre as faces oculto, envergonhado.
Um olhar escondido, mas ardente,
numa desconfiança sem igual,
aumentava o feitiço meigo e quente
que vinha dessa deusa tropical.
Perigosa presença a esconder-se´
apagada, suave e feiticeira,
num breve andar de sílfide ligeira.
Uma silenciosa timidez,
admirável fonte de brandura,
dava-lhe um ar intenso de candura
com uns leves assomos de altivez.
Parecia viver num outro mundo
donde voltava com tristeza imensa
pra este mergulhado em treva densa
tão igual ao seu ser meditabundo,
um ser que, no seu todo, sem rival,
era um pomo gostoso e perfumado
apetecido e sempre disputado
por quem sentia o aroma enfeitiçado
dessa encantada Circe original!

Era linda!...
Em toda ela a noite era um dia,
em toda ela a luz resplandecia
em revérberos mágicos, fagueiros,
a incidir serenos, feiticeiros,
a escoar o filtro tentador
o poder estuante, sensual,
a atração do todo corporal
que nela era desejo e era amor!



Lilás Carriço
Brasil; Manaus
Portugal; Moimenta da Beira
in Arco-Íris Poético
Editor: Porto Editora

photo by Google
Enviar um comentário